A vitória do dia seguinte

Um chefe de família chegou em casa e contou as coisas boas que aconteceram no seu dia: “fui considerado o funcionário do mês, e por isso ganhei um abono e ainda consegui carona com o patrão!” — disse, e agradeceu ao Pai que está nos céus por suas vitórias. Mas naquela mesma noite, em sonho, reviveu alguns dos primeiros momentos daquele dia: quando o trânsito parou, impaciente, murmurou; quando uma lactante pediu algumas moedas, apressado, ignorou; e quando um colega mostrou ter superado certa limitação, ensoberbecido, desmereceu. Então uma voz, ainda no sonho, disse: “você pensa mesmo que seu dia foi de vitórias?” — naquela manhã, ele acordou um pouco mais cedo, e envergonhado, confessou (ao Altíssimo) suas injustiças do dia anterior.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s