Os descaminhos do adultério

apocalipse-17 O que é a corrupção (do poder) senão a adulteração (de seus meios)? Aos dominadores religiosos daquele povo, o Messias chamou de “geração má e adúltera” quando pediram um sinal do céu. E em sua primeira carta, “o discípulo a quem ele amava” escreveu que “todo o mundo está sob o Maligno” (aqui a expressão “mundo” não se entende planeta físico, mas sociedade humana). Portanto tudo que integra a sociedade está sujeito à adulteração. Não seriam os alimentos transgênicos, mesmo cancerígenos, nítidos exemplos do poder que corrompe? Como você reagiria ao saber que comprou cobre ao preço de ouro? Pois o nosso Mestre disse que “o reino do céu tem sofrido muito. Ele tem sido atacado violentamente por homens malvados que tentam conquistá-lo à força”. E quem seriam estes homens senão aqueles que negociaram com o traidor, e estes do “reino” clérigo que “proferirá palavras contra o Altíssimo, e destruirá os santos do Altíssimo, e cuidará em mudar os tempos e a lei” conforme foi antevisto? Estes são os que “fecham as portas do reino do céu para as pessoas” e que através de um prisioneiro chamado Jerônimo, adulteraram sutilmente as Escrituras, e em seus concílios ocultaram testemunhos fiéis, misturando aquilo que se transmitia de puro entre os tantos inocentes que mataram, com os enganos dos outros povos, bebendo o sangue dos sãos e ensinando insanidades tais, que nenhuma reforma a poderia sanar, pois como construir verdades sobre um alicerce de mentiras? Portanto esta ambição deu luz à adulteração das boas novas de salvação, constrangendo e oprimindo como antes, com “cargas tão pesadas sobre as costas das pessoas, que elas mal podem carregar”. Pisando o sagrado sacerdócio do Cordeiro para pôr em seu lugar, rudimentos da aliança superada, com “ordenanças de culto divino e um santuário terrestre” como se pudessem anular aquele que “faz o seu serviço no Lugar Santíssimo e no verdadeiro tabernáculo, o qual foi construído pelo Eterno e não pelos homens” conforme foi revelado a Natã que “eu serei seu pai, e ele será meu filho. Nunca retirarei dele o meu amor, como retirei de Saul. Eu o farei líder do meu povo e do meu reino para sempre; seu reinado será estabelecido para sempre”, e confirmado pelo Justo quando disse “eu derrubarei este templo, construído por mãos de homens, e em três dias edificarei outro, não feito por mãos de homens”. Sendo assim, como herdeiros da livre e não da escrava, não aceitemos o simulacro imperfeito de adulterações humanas que encaminham à perdição, porque o Maligno, a quem pertencem os dominadores, “foi homicida desde o princípio e não se firmou na verdade, porque não há verdade nele; quando ele profere mentira, fala do que lhe é próprio, porque é mentiroso e pai da mentira”. Porque “os governantes das nações as dominam, e as pessoas importantes exercem poder sobre elas. Não será assim entre vocês. Ao contrário, aquele que quiser tornar-se importante entre vocês deverá ser servo, e quem quiser ser o primeiro deverá ser escravo; como o Filho do homem, que não veio para ser servido, mas para servir e dar a sua vida em resgate por muitos”. Tendo nós, não apenas de boca, mas nas ações pelas quais seremos recompensados ou repreendidos, um só pastor, pois “o bom pastor dá a sua vida pelas ovelhas” e um só espírito da verdade que “os guiará a toda a verdade”, adoremos em espírito, racional e fraternalmente, não com aplausos ou cânticos que só aproveitam à própria alma, e nem em um lugar ou outro, mas dando testemunho em qualquer lugar da fé que temos no Filho, e que é o autêntico “sacrifício de louvor, isto é, o fruto dos lábios que confessam o seu nome”. Por meio somente deste (que deve ser o nosso único Guia e Sacerdote), que teve o sentido sagrado do seu nome igualmente adulterado, mas que vive para sempre, aguardando pacientemente a melhor hora (e creio que a veremos, por estar bem próxima) para destruir o mundo e sua injustiça, estabelecendo o reino perfeito, a honra e o mérito ao Criador de todas as coisas, acima do qual nenhum outro há. Pelos séculos dos séculos, que assim seja.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s